STOCKCAR - COM LÍDERES EMBOLADOS, VELOCITTA TEM VITÓRIAS DE RICARDO ZONTA E MATÍAS ROSSI


Thiago Camilo, Daniel Serra e Gabriel Casagrande estão separados por três pontos. Gianluca Petecof marcou primeiro pódio e foi o maior pontuador do fim de semana


A Stock Car Pro Series completou a primeira metade da temporada 2023 neste domingo (6), no Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu (SP), com duas grandes e empolgantes provas, como vem sendo desde o início do campeonato. Ricardo Zonta (RCM Motorsport) e Matías Rossi (Full Time Sports) conquistaram as vitórias nas Corridas 1 e 2, respectivamente, e se mantiveram em alta na tabela depois de já terem triunfado um mês atrás, em Interlagos. Os dois guiam Toyota Corolla.

Detalhe do duelo pela vitória entre Ricardo Zonta (10) e Gianluca Petecof (101) (Duda Bairros/Stock Car) 

Quem também se destacou e foi um dos principais nomes do fim de semana foi Gianluca Petecof (Full Time). O jovem de 20 anos viveu seu melhor fim de semana na Stock Car e conquistou o primeiro pódio na categoria ao finalizar a Corrida 1 na segunda posição depois de lutar por vitória com Zonta. Gianluca foi o quarto na prova complementar da etapa e marcou um total de 43 pontos no interior paulista.

Em grande fase, Ricardo Zonta marcou seu segundo triunfo na temporada (Duda Bairros/Stock Car)

Em grande fase, Ricardo Zonta marcou seu segundo triunfo na temporada (Duda Bairros/Stock Car) 

Domínio de Zonta — A primeira corrida de um quente domingo, com a temperatura ambiente em torno dos 30ºC, teve Ricardo Zonta na liderança praticamente em todas as voltas, com exceção da janela de pit-stop obrigatório. Foi justamente neste momento que aconteceu o momento decisivo da prova, quando Petecof voltou da parada dos boxes logo atrás do curitibano. Em posição de defesa e ataque, os dois trocaram acionamentos do push-to-pass nas voltas finais, até Zonta confirmar a vitória, a segunda na temporada, a terceira no Velocitta e a décima na Stock Car.

Sergio Jimenez (Toyota Corolla da Scuderia Chiarelli) conquistou seu melhor resultado em 2023 na Stock Car e subiu ao pódio na terceira posição. O melhor posicionado a bordo de Chevrolet Cruze foi Allam Khodair (Blau Motorsport), em quarto, enquanto Rubens Barrichello (Corolla da Mobil Ale) foi o quinto. Rafael Suzuki (Pole Motorsport) ganhou importantes posições depois de ter largado em 12º e terminou em sexto, seguido por Daniel Serra (Eurofarma RC), Guilherme Salas (KTF), Nelson Piquet Jr. (Crown Racing) e Matías Rossi, que partiu na frente da Corrida 2 em razão da regra do grid invertido.

A posição do alinhamento de largada foi importante para Rossi faturar sua quarta vitória na Stock Car, a segunda no Velocitta, e permanecer em rota ascendente na temporada. O início da Corrida 2 foi bastante acidentado e tirou vários pilotos da disputa, inclusive Zonta, de modo que a direção de prova acionou o safety-car.

A categoria voltou a entregar emoção com outras duas grandes corridas em 2023 (Duda Bairros/Stock Car) 

A janela de pit-stops obrigatórios foi aberta depois da retomada da corrida em bandeira verde. Naquele momento Matías Rossi era o líder, com Daniel Serra logo atrás. Entretanto, Gabriel Casagrande (A.Mattheis Vogel) encaixou grande estratégia e trabalho sólido da equipe na parada obrigatória para subir de nono para segundo, posição mantida até o final. Serrinha completou o pódio.

 

Petecof foi o quarto colocado, enquanto Rubens Barrichello cruzou a linha de chegada em quinto, com Felipe Baptista (KTF) em sexto. Rafael Suzuki foi confirmado em sétimo e Thiago Camilo foi o oitavo depois de ter concluído a Corrida 1 em 23º após incidente. Felipe Fraga (Blau Motorsport) e Guilherme Salas concluíram a relação dos dez primeiros colocados no complemento da etapa no Velocitta.

Ascensão na temporada — Em comum, Zonta, Rossi e Petecof vêm em um momento de crescimento ao longo da temporada. O curitibano da RCM Motorsport confirmou sua segunda vitória na temporada, no embalo da conquista alcançada em Interlagos, no mês passado.

“Estou feliz demais. Tivemos um carro rápido na corrida, cuidei bem dos freios e dos pneus. Uma pena o que aconteceu na Corrida 2 e não deu para continuar, pois daria para pontuar bem, e seria importante no campeonato. Mas evoluímos muito bem com o carro, isso desde Interlagos, estamos bem competitivos, e agora é mirar todas as outras corridas, fazer boas pontuações e brigar por esse título”, disse o ex-Fórmula 1 e piloto do Corolla #10 na Stock Car.

O argentino Matías Rossi ampliou seu cartel vencedor e comprovou que é sempre um competidor muito forte no Velocitta. Neste domingo, além da performance, a estratégia também foi determinante para que o argentino vencesse pela segunda vez em 2023.

Matías Rossi triunfou pela segunda vez no Velocitta, a quarta na Stock Car (Duda Bairros/Stock Car) 

“Foi uma jornada planejada para tentar terminar na frente. Sabíamos que seria muito difícil largando na Corrida 1 em 16º, mas deu tudo certo. Também contei com a sorte, pelo que aconteceu na primeira volta e o safety-car. As chaves foram o carro, com ritmo muito bom na primeira prova e, sobretudo, na segunda; e também o pit-stop. A Full Time Sports e a Toyota fizeram um trabalho espetacular, e foi hoje foi melhor que o esperado”, declarou o piloto de 39 anos.

Por fim, Gianluca Petecof não escondeu o contentamento com seu melhor desempenho em sua ainda curta carreira na Stock Car. “Só tenho duas palavras, primeiramente: felicidade e gratidão. Tinha falado antes sobre a paciência e continuidade no trabalho que já vínhamos desenvolvendo, e hoje veio a recompensa: devo praticamente tudo à equipe, uma família para mim, e que siga sempre assim”, vibrou.

Daniel Serra (29) subiu uma posição e está 1 ponto atrás do líder do campeonato (Duda Bairros/Stock Car)

Campeonato pega fogo — A temporada 2023 chegou ao fim da sua primeira metade com um cenário completamente imprevisível em termos de luta pelo título. A distância entre os dois primeiros colocados do campeonato é de somente um ponto. E os três primeiros são separados por apenas três.

 

Depois de seis etapas e 12 corridas disputadas, Thiago Camilo (23º e oitavo nas duas provas da etapa) continua na liderança, com 164 pontos, mas o campeonato esquentou de vez. Daniel Serra é o novo vice-líder e soma 163. Gabriel Casagrande é o terceiro na temporada, com 161.

Foto-Duda Bairros/Stock Car 

A Stock Car volta a acelerar em três semanas e retorna a Goiânia no fim de agosto para a disputa da sétima etapa do campeonato entre os dias 25 e 27.


Assessoria de Imprensa

Autor

Assessoria de Imprensa

TAGS:
STOCKCAR
VELOCITTA
ZONTA
ROSSI
Barrichello
Daniel Serra
Eurofarma
Piquet Jr.
Shell